fbpx

Aquecimento dos oceanos polares.

Dez 20, 2020 | Clima, Notícias

Durante o início de Julho de 2019 assistimos a um evento de calor extremo e recorde no Alasca, associado a um sistema de altas pressões estacionado sobre aquela região do Globo, e a massas de água oceânicas anormalmente quentes.

Ocorreram temperaturas recorde acima dos máximos históricos em muitos locais do Alasca durante o Verão de 2019.

Esta situação não é nova e repetiu-se de novo em 2020, desta vez com foco na Sibéria.
A ocorrência de ondas de calor mais fortes e mais frequentes, perda de gelo gradual e alterações na circulação da atmosfera evidenciam de forma clara os processos de alteração climática que estamos a viver.

Temos tido alterações dramáticas do clima nas regiões subpolares tanto no Alasca, em torno ao Mar de Bering, como também do lado Atlântico do Árctico.

Nos últimos anos houve uma perda critica de gelo, e uma alteração da dinâmica da atmosfera e do oceano nessa regiões, a repetição de ondas de calor ao longo dos próximos anos poderá acentuar o ciclo de alterações oceânicas e atmosféricas que a região está a sentir.

“O aquecimento dos oceanos polares e das regiões subpolares estão a seguir as tendências estudadas em relação aos impactos das alterações climáticas.”

O maior aquecimento das latitudes polares face ás latitudes mais baixas tem efeitos na circulação da atmosfera, no sentido de a tornar mais caótica, gerando posteriormente mais situações meteorológicas extremas.

Nos últimos 5 anos a presença de águas mais quentes no Pacifico Norte, um fenómeno chamado de “warm blob “, tem gerado mudanças no estado do tempo na América do Norte.
Isto manifesta-se por uma subida das temperaturas no Alasca e no oeste do Canadá, e mais eventos de frio extremo no Inverno nos EUA.

Um fenómeno similar de acumulação de águas quentes está também a ocorrer em torno ás ilhas Svalbard a norte da Noruega e junto à Nova Zelândia.

https://www.sciencealert.com/the-massive-blob-in-the-pacific-is-back-and-it-might-bring-even-more-insane-weather

O aquecimento dos oceanos polares está fortemente relacionado com o aquecimento global e tende a gerar um padrão de circulação atmosférica mais bloqueado, que promove a persistência de regimes de estado do tempo mais extremos.

Tópicos do artigo:

  • Aquecimento dos oceanos polares, causas e consequências.

    – Aquecimento oceanos polares, mudanças climáticas globais.

Veja

Contacte-nos

Ajude-nos a manter este conteúdo gratuíto

Agradecemos, dessa forma, todos os donativos que nos chegarem.
1€ quem puder, faz toda a diferença!

Veja aqui também…

Previsão: Risco de inundações

"Aguaceiros e trovoadas durante os próximos dias. Risco de cheias e inundações." — Aguaceiros e trovoadas por vezes fortes e com granizo. Ao longo dos próximos dias teremos condições de instabilidade causadas pela passagem de sistemas...

read more

Poeiras e alergias

"Até dia 31 de Março teremos condições de fluxo de leste/sueste, com transporte de poeiras em suspensão, polenes, e possibilidade de trovoadas. "— Aumento da concentração de poeiras e pólen. Agravamento da qualidade do ar. Durante os...

read more

Perturbação trará agravamento do estado do tempo

"Tempo localmente adverso, chuva, possibilidade de trovoadas  com granizo e vento por vezes intenso." — Nova perturbação atmosférica posicionada entre a Madeira e a Península. A partir de dia 26 teremos a evolução de um sistema de...

read more

Explicação sobre a tragédia do Pedrogão

"A tragédia do Pedrogão Grande foi um dos eventos meteorológicos/ambientais mais extremos registados em Portugal"Deixamos aqui uma explicação sobre a tragédia do Pedrogão. Calor extremo e trovoadasCom mais de 24h de antecedência, no...

read more

Previsão de trovoadas

"Trovoadas localmente fortes no Centro e sul. "— Trovoadas, granizo e inundações. Esta semana será marcada por condições de alguma instabilidade atmosférica, com aguaceiros e períodos de precipitação. A partir de dia 24 à tarde teremos...

read more

Previsão trimestral

"Previsão trimestral - Março, Abril e Maio de 2021"—Previsão trimestral para Portugal Continental A previsão trimestral para Março – Maio indica que as condições de circulação atmosférica e oceânicas serão favoráveis à presença de...

read more

Condições de surf extraordinárias

Dia 28 de Janeiro a ondulação ( swell ) gerada por uma baixa pressão no Atlântico irá conjugar-se com condições de vento favoráveis em alguns spots.-Previsão geralA ondulação ( swell ) gerada pela passagem de baixas pressões no...

read more

Tudo interligado

Tudo no planeta está interligado, a teia de interacções nos sistemas naturais e humanos mantém o planeta como o conhecemos.Atmosfera é fluída e está sempre tudo interligado. Incêndios massivos, que todos os anos surgem nos EUA, Sibéria...

read more

Previsão- Neve

"03-05/Jan- Neve no Continente. Cotas poderão descer abaixo dos 300m."— Perturbação polar trará precipitação localmente forte e descida da cota de neve. A partir de dia 3 uma intensa perturbação polar deverá chegar ao norte da...

read more

Previsão do tempo para a PASSAGEM DE ANO

"Passagem de ano com aguaceiros, frio e neve no continente. Tempo mais estável na Madeira. "—  Portugal continental. A previsão do tempo para a passagem de ano aponta para a prevalecia de baixas pressões, com fluxo perturbado de...

read more