Previsão do tempo para a semana – Açores e Madeira

A previsão do tempo para as regiões autónomas dos Açores e da Madeira, ao longo desta semana de 25 a 29 de Maio, será influenciada pela presença de um anticiclone instalado entre os dois arquipélagos e Portugal Continental, com a passagem de uma perturbação frontal nas ilhas mais a ocidente dos Açores, até meio da semana.

Assim, estamos a prever:

 – Para os Açores:

Mantendo-se o anticiclone a estender-se pelo grupo Oriental e a bloquear a entrada de instabilidade, uma perturbação frontal irá trazer alguma precipitação ao grupo Ocidental, até meio da semana. Espera-se igualmente muita nebulosidade, com períodos de neblina e/ou nevoeiro, havendo mais abertas a partir do meio da manhã de 4ª feira.

No grupo Central poderão ocorrer alguns aguaceiros fracos e dispersos e possibilidade de neblinas e/ou nevoeiros nas vertentes expostas a sudoeste, entre 2ª e 3ª feira, mas de uma maneira geral haverá boas abertas e bons períodos com sol.

Para o grupo Oriental, prevê-se nebulosidade dispersa com boas abertas e bons períodos com sol.

O vento será um pouco mais intenso nas Flores e Corvo, com rajadas da ordem dos 40-60 km/h de sudoeste, mas apenas na 3ª e 4ª feira. Nas restantes ilhas e nos restantes diras irá soprar fraco a moderado.

As temperaturas manter-se-ão amenas e acima do normal para a época, igualmente com muita humidade, contribuindo para uma sensação térmica mais alta, fazendo com que aquando dos períodos com mais sol o tempo fique bastante abafado, descendo gradualmente a partir de 4ª feira, voltando a subir no final da semana.

6ª feira apesar de muitas incertezas, é algo provável que uma nova perturbação frontal se aproxime e traga alguma chuva ao grupo Ocidental.

 – Para a Madeira:

Continua o fluxo bastante seco e estável de nordeste sobre o arquipélago, com o anticiclone a oeste e norte, que irá trazer muito poucas nuvens ao longo desta semana para as ilhas da Madeira e Porto Santo, aumentando de nebulosidade a partir de 4ª/5ª feira, em especial nas vertentes norte da ilha da Madeira.

O vento será mais intenso, em especial nas zonas mais elevadas e expostas, incluindo os extremos leste e oeste da ilha da Madeira, mas apenas nesta 2ª feira, nos restantes dias soprará fraco a moderado do quadrante norte. Na zona do Funchal irá soprar, em geral fraco.

As temperaturas serão de Verão, com a sensação térmica a baixar nas zonas mais expostas ao vento nesta 2ª feira. Nas vertentes norte os termómetros irão descer ligeiramente a partir de 4ª feira.

Veja aqui outras previsões, análises e/ou notícias.

Não se esqueçam de seguir, igualmente, os nossos posts, em versão mais simples e de fácil acesso, quer no INSTAGRAM e YOUTUBE quer no TWITTER !
https://www.youtube.com/channel/UCl3FTEXZgM3eWTLu-aahVbQ/videos?view_as=subscriber

https://twitter.com/bestweather_pt

https://www.instagram.com/bestweatherpt/

Equipa Bestweather

Esta página, requer INVESTIMENTO da nossa parte, tanto quanto em material adequado, quer em pessoal qualificado, como também em disponibilidade.

Estamos a trabalhar no desenvolvimento de cartas meteorológicas, algoritmos de previsão em alta resolução, assim como em diferentes APPs para dispositivos móveis!
O nosso grande objetivo é melhorar a qualidade das previsões disponiveis para Portugal e para a Europa!

Se no seu dia-a-dia ou nas suas atividades profissionais precisar de mais do que um simples olhar sobre a meteorologia, não hesite e contacte-nos! Teremos todo o gosto em trabalhar consigo!

Developers-> https://www.linkedin.com/in/sergio-den-boer/
Developers-> https://www.huna.pt/
Design e comunicação -> https://www.linkedin.com/in/sararmlopes/

Ajude-nos a chegar a mais gente e partilhe as nossas publicações.

Agradecemos,igualmente todos os donativos que nos chegarem.

1€ quem puder, faz toda a diferença!

Podem contribuir por transferência bancária, para a conta com o número (PT50) 0010 0000 5531 7500 0015 8. Semelhantemente, é possível contribuir por MBWay, bastando para isso contactar-nos por mensagem privada e por conseguinte enviaremos o número.

Muito obrigado a todos os que nos ajudam a crescer, quer com donativos, quer com partilhas e/ou qualquer forma de apoio.